Imagem em destaque Um Homem Residente em Gaia É Suspeito de Violência Doméstica e Tentativa de Homicídio 560x416 - Um Homem, Residente em Gaia, É Suspeito de Violência Doméstica e Tentativa de Homicídio

Um jovem de 24 anos, do sexo masculino e residente em Vila Nova de Gaia, foi detido pela Polícia Judiciária. O indivíduo é suspeito de tentativa de homicídio e violência doméstica. Foi acusado ainda da prática do crime de perseguição.

A Diretoria do Norte da Polícia Judiciária confirmou que o sujeito é, de facto, suspeito dos três crimes mencionados.

Em comunicado oficial, a PJ esclareceu diversos aspetos importantes sobre o caso. O indivíduo manteve uma relação amorosa com uma mulher durante cerca de três anos. Há aproximadamente duas semanas, a namorada achou por bem terminar a relação, uma decisão que foi completamente contra a vontade do homem.

Postar imagem Um Homem Residente em Gaia É Suspeito de Violência Doméstica e Tentativa de Homicídio homem - Um Homem, Residente em Gaia, É Suspeito de Violência Doméstica e Tentativa de Homicídio

O suspeito reagiu da pior maneira. Enquanto a mulher se encontrava junto de um grupo de amigos, o sujeito surpreendeu-a com a sua presença e lançou diversas ameaças aos indivíduos presentes. No calor da discussão, envolveu-se em agressões físicas com um dos amigos da ex-namorada.

O grau de violência alcançou um ponto muito grave quando o homem furioso desferiu oito facadas na zona do tórax do elemento do grupo, deixando-o em severo risco de perder a vida. O ferido foi transportado e operado de urgência numa unidade hospitalar.

A Polícia Judiciária comunicou também que a violência doméstica infligida na mulher fez parte de praticamente todo o período do namoro e tomou principalmente a forma de maus tratos psicológicos.

Postar imagem Um Homem Residente em Gaia É Suspeito de Violência Doméstica e Tentativa de Homicídio homem suspeito - Um Homem, Residente em Gaia, É Suspeito de Violência Doméstica e Tentativa de Homicídio

O suspeito ameaçava e insultava a namorada, tentando ainda controlar a sua conduta. Quando as ameaças de morte se tornaram mais sérias, a mulher decidiu colocar um termo à relação. Depois disso, foi perseguida pelo ex-namorado, tendo de recorrer à companhia constante de familiares e amigos para se sentir segura no exterior.

O jovem detido vai conhecer brevemente, em situação de interrogatório judicial, as respetivas medidas de coação para os crimes de violência doméstica, tentativa de homicídio e perseguição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *